Home

Últimas Notícias

Tribunal da Califórnia decide que cultos atrapalham “diversão” no centro da cidade

Nenhum comentário MUNDO CRISTÃO

Tribunal da Califórnia decide que cultos atrapalham “diversão” no centro da cidade

Um tribunal da cidade de Salinas, na Califórnia (EUA), decidiu que uma igreja evangélica não poderá funcionar por não contribuir para a “atmosfera vibrante e divertida” do centro do município.

A igreja New Harvest Christian Fellowship havia alugado um prédio na rua principal de Salinas por mais de 25 anos, e em 2018, comprou um espaço no mesmo endereço. A igreja pretendia usar o primeiro andar como um centro de adoração, mas a cidade interveio.

Em 29 de maio, o tribunal favoreceu a decisão da cidade, dizendo que a igreja gera interesse limitado. De acordo com a decisão da juíza Susan van Keulen, do Tribunal do Distrito Norte da Califórnia, a congregação não atrai turistas e prejudica a “vibração” e “diversão” da cidade.

Segundo os advogados do Pacific Justice Institute (PJI), que atuam na defesa da igreja, a decisão do tribunal é contra a garantia da lei americana sobre as igrejas.

Kevin Snider, principal advogado do caso, disse à Fox News que Salinas “considera as igrejas menos merecedoras de igualdade de tratamento nos termos da lei do que o teatro infantil, os dois cinemas e o centro de eventos” que estão localizados no centro.

“Desde a decisão do tribunal de primeira instância, ironicamente, o centro de Salinas teve um animado protesto na rua de pedestres”, observa Snider. “Esses tipos de assembleias podem não garantir a diversão que os oficiais da cidade esperam substituir nas igrejas”.

Em 2010, a PJI venceu um caso semelhante contra a cidade de San Leandro, representando a igreja Faith Fellowship Church, que recebeu uma indenização de US$ 2,3 milhões da cidade, informa o Monterey County Weekly.

Do site GUIA-ME

LEIA TAMBÉM

Total
1
Share